terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Físicos da Dinamarca preveem o fim do universo

Físicos da Dinamarca preveem o fim do universo


Bóson de Higgs pode ser evidência do fim do mundo para cientistas da Dinamarca

O universo inteiro pode estar prestes a entrar em colapso e arrastar tudo que existe para uma pequena bola comprimida. O processo pode já ter começado em algum lugar do cosmos e deve acabar com o resto do universo, dizem alguns físicos teóricos. Fique por dentro dessa teoria catastrófica!
Esse conceito de que universo pode acabar comprimido já existe há alguns anos. A novidade é que pesquisadores na Dinamarca afirmam que conseguem provar sua existência por meio de equações matemáticas.
A teoria explica que, em algum tempo, uma mudança radical vai acontecer nas forças do universo. Essa mudança tornará as partículas – mesmo de um grão de areia – extremamente pesadas. Reflexo dessa mudança, todos os planetas e galáxias ficarão milhares de vezes mais pesados.
A mesma teoria sugere que tanto peso vai espremer todo o material em uma pequena bola, que seria pesada e extremamente quente, dando fim ao universo como o conhecemos. Os físicos apontam que a mudança será algo violento e não haverá uma “fase de transição”. Semelhante ao que acontece quando a água se transforma em vapor ou quando um ímã se aquece e perde seu poder.
De acordo com a teoria de Higgs, uma transição de fase aconteceu um décimo de bilionésimo de segundo depois do Big Bang, causando uma mudança no tecido do espaço-tempo. Durante esta transição, o espaço vazio se encheu com uma substância invisível que nós chamamos agora de campo de Higgs.
Ao usar equações matemáticas, os pesquisadores da Universidade do Sul da Dinamarca descobriram que o campo de Higgs poderia existir em dois estados – da mesma forma que a matéria existe como líquido ou sólido.
No segundo estado, o campo de Higgs é bilhões de vezes mais denso. Se esse campo de Higgs ultra-denso existe, então uma “bolha” neste estado poderia aparecer de repente em um determinado lugar do universo a qualquer momento, similar a quando você ferve a água.
A bolha se expande na velocidade da luz, alcançando todo o espaço e transformando o campo de Higgs do estado em que está agora em um novo. Tudo que estivesse fora da bolha seria puxado para formar um centro com massa muito maior.
Em entrevista ao Daily Mail, o físico e estudante de doutoramento na Universidade do Sul da Dinamarca, Jens Krog, afirma:
— Agora temos realizado cálculos mais precisos e vemos duas coisas: sim, o universo provavelmente entrará em colapso e um colapso é ainda mais provável que os cálculos de idade previstos.
A previsão dos cientistas ainda não é precisa sobre quando irá acontecer o fim do universo.
— Talvez um colapso esteja começando agora e aqui. Ou talvez ele vá começar bem longe daqui, em um bilhão de anos. Nós não sabemos.
Apesar de alarmante, a ideia do fim do mundo não deve ser tão temida. Isso porque, embora os novos cálculos tenham a previsão de que o colapso agora é mais provável do que nunca, também é possível que a previsão nunca aconteça – vale a pena torcer para que os físicos estejam errados.

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Incêndio nas proximidades do Mercado Elias Mansur destrói 10 estabelecimentos, em Rio Branco

Postado em 11 de dezembro de 2013

Incêndio nas proximidades do Mercado Elias Mansur destrói 10 estabelecimentos, em Rio Branco

Gleydison Meirelles, Luciano Tavares e Jairo Carioca, de ac24horas - Rio Branco, AC
Foto willian_3
Um dia de pânico para os comerciantes da beira do Rio Acre, atrás do Camelódromo (Mercado Municipal Aziz Abucater). O incêndio, que começou por volta das 14h, destruiu, em poucos minutos,  toda a área onde estavam localizados uma bicicletaria, o comercial Beira Rio e vários bares conhecidos como “inferninho”. Nem mesmo o saudoso “Priquitim”, prostibulo frequentado pela boêmia da cidade escapou do fogo.
2013-12-11 15.02.31
Segundo informações da Polícia Militar o incêndio começou dentro de um bar que também serve como casa de prostituição. Um cliente teve a sua carteira furtada e ameaçou atear fogo no estabelecimento caso o dono do local não se responsabilizasse. Minutos depois o homem retornou e cumpriu com a ameaça.
Encêndio, foto Adonay Melo 5
Mais de 10 estabelecimentos de madeira foram tomados pelas chamas. Uma Casa Agropecuária que funciona no local explodiu. Cerca de 50 homens da PM, Bombeiros e da Defesa Civil foram acionados para conter as chamas. A área foi isolada entorno dos dois mercados.
O desespero foi grande. Bombeiros demoraram mais de duas horas para controlar as chamas que ameaçavam atingir outros estabelecimentos.
PRINCIPAL SUSPEITO DE CAUSAR O INCÊNDIO
Um homem moreno, de estatura mediana e aparentando pouco mais de 40 anos é o principal suspeito de ter ocasionado o incêndio.
De acordo com uma testemunha que estava no local, que se identificou pelo nome de Raimundo Braga, um homem teria contratado um programa de uma prostituta, mas foi roubado pela garota de programa. Revoltado. ele teria ateado fogo no colchão do quarto onde estava com a mulher, mas antes de dar inicio ao incêndio o desconhecido avisou ao dono do estabelecimento que caso o seu dinheiro não fosse devolvido ele incendiaria o local.
Após iniciar o fogo,  o homem teria pulado no Rio Acre e atravessado sentido Segundo Distrito. Policiais Militares que isolaram o local confirmaram que viram um homem pulando no rio no momento do incêndio.
PREFEITO ALMOÇAVA PRÓXIMO AO LOCAL DO INCÊNDIO
DSC_0639A pouco metros da confusão, o prefeito da capital Marcus Viana almoçava acompanhado de assessores. Ao tomar conhecimento do incêndio, o chefe da cidade acionou os bombeiros.
Dentro do Camelódromo foi colocado um cordão de isolamento para evitar a aproximação de curiosos dado o risco do incêndio.
“Eu estava almoçando no mercado e quando vi o que estava acontecendo. O mais importante agora é que as pessoas saiam do local ou não se aproximem por causa do risco. Porque o mais importante agora é a vida, é preservar a vida das pessoas”, disse Viana.
O prefeito, após concluir o trabalho de isolamento do local falou com a imprensa. Questionado sobre sua participação nos de isolamento do local do incêndio, Marcus Viana enfatizou que esse não era uma atitude de prefeito, mas de um cidadão que se preocupou com a segurança das pessoas que estavam no local por conta do sinistro.
“Essa não foi uma atitude do prefeito, mas sim de um cidadão que se solidariza com os comerciantes que perderam seu meio de vida e que se preocupou com as centenas de pessoas que estavam no local por conta do incêndio. Faria isso em qualquer situação, se posso ajudar não ficarei de braços cruzados”, ressaltou o prefeito.
MERCADO ELIAS MANSOUR É FECHADO
Por ordem do prefeito Marcus Viana (PT), o Mercado Elias Mansour e do Camelódromo tiveram suas portas fechadas. No final da tarde de desta quarta-feira, 11, equipes do Corpo de Bombeiros e da prefeitura realizaram o rescaldo do local.
2013-12-11 15.32.22
Peritos e Policias Militares estão local tentando apurar a causa do incêndio.
AJUDA DE VOLUNTÁRIOS
2013-12-11 15.12.29O comandante das guarnições do Corpo de Bombeiros que atenderam a ocorrência de incêndio na tarde desta quarta-feira (11), Major Eudemir, afirmou que o trabalho dos voluntários foi essencial para que o sinistro não atingisse proporções ainda maiores.
Segundo o oficial, as primeiras iniciativas, principalmente de retirar parte das mercadorias, eletroeletrônicos e outros tipos de materiais que pudessem aumentar ainda mais o fogo foi primordial.
“Somos gratos aos voluntários que desde o principio do incêndio tiveram a iniciativa de ajudar que estava tendo seu estabelecimento invadido pelas chamas, a retirada de mercadorias, eletrônicos e eletrodomésticos, além de botijas de gás e outros matérias que contribuíssem para o aumento do fogo foi essencial”, disse o oficial.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Moto usa combustível à base de água e faz 60 km por litro no AC

Moto usa combustível à base de água e faz 60 km por litro no AC


    Invenção é do cineasta Delane Holanda.
    ‘Quero mostrar para a sociedade que existe sim um combustível limpo’, diz.

    G1/Ac – Yuri Marcel
    Delande Holanda adaptou moto para funcionar utilizando hidrogênio (Foto: Yuri Marcel/G1)
    Delande Holanda adaptou moto para funcionar utilizando hidrogênio (Foto: Yuri Marcel/G1)
    Após ler um artigo na internet sobre uma motocicleta que utilizava água como combustível, o cineasta acreano Delande Holanda ficou pensando se seria realmente possível. A curiosidade o levou a estudar e fazer diversas experiências até conseguir fabricar sua primeira moto que funciona parcialmente à base de água.
    “Isso tudo iniciou quando vi um artigo que dizia que seria possível retirar um combustível alternativo à base de água. Comecei a partir daí a fazer um estudo sobre isso. A gente sabe que a água é formada por H2O [ dois átomos de hidrogênio e um de oxigênio] e sabe também que o hidrogênio queima. Diante disso, achei que seria possível tirar um combustível da água”, conta.
    Mas o grande desafio para Holanda foi descobrir como utilizar esse hidrogênio presente na água como combustível. A resposta ele diz ter encontrado relembrando os tempos de escola.
    “A gente vê isso em ciências na 5ª série do ensino fundamental. Se você pegar duas chapas de aço, colocar uma pilha, ligar um fio nos pólos negativo e positivo e jogar água entre essas placas, vai conseguir separar o hidrogênio da água”, explica.
    A partir desse conceito, ele começou a fazer estudos e montar a sua ‘célula geradora de hidrogênio’, que ele batizou como Nativos HHO. “Eu engano o carburador e ele queima o hidrogênio como se fosse gasolina”, diz.
    ‘Ameaça de separação’
    Durante quase um ano o inventor trabalhou para montar seu protótipo, o que ainda quase lhe custou alguns amigos e o casamento. “Fui tratado como doido, disseram para que eu parasse com isso. E houve até uma ameaça de separação, porque é meio difícil acreditar nisso”, conta.
    nventor diz ter sido tratado como 'doido' por causa do projeto (Foto: Yuri Marcel/G1)
    nventor diz ter sido tratado como ‘doido’ por causa do projeto (Foto: Yuri Marcel/G1)
    Porém, ele não desistiu do projeto. Sem formação em engenharia ou mecânica, ele contou com a ajuda de um amigo mecânico para desenvolver os experimentos e o primeiro protótipo ficou pronto no mês de novembro.
    De acordo com o inventor, depois que adaptou a moto ele conseguiu uma economia de 40% no uso de combustível. “Se antes eu rodava 35 km com 1 litro de gasolina, hoje rodo 60 km”, diz.
    Combustível sustentável
    O cineasta diz que agora pretende aprimorar os experimentos para conseguir adaptar sua moto para que ela funcione totalmente a partir da queima do hidrogênio. Ele ainda quer fazer testes em veículos maiores como carros.
    E para quem pensa que Holanda resolveu investir na ideia com objetivo de ficar rico, ele explica que não é bem assim.
    “Não fiz isso com interesse comercial. Existem muitas pessoas querendo, mas estou evitando porque não existe estudo finalizado para isso. Quero que vejam como  uma coisa boa para o meio ambiente, levando em conta que se hoje tiro 40% do consumo da gasolina, tiro 40% da poluição que esse combustível iria emitir e não precisa ser ‘expert’ para saber que é um combustível limpo”, afirma.
    Ele diz que com o invento quer estimular uma discussão sobre a utilização de combustíveis menos agressivos ao ecossistema. “Quero mostrar para a sociedade que existe sim um combustível limpo que pode ser estudado e inserido no mercado como combustível alternativo à base de água. Já que água é o que mais temos na Amazônia”, enfatiza.

    Delande diz que economiza até 40% no uso de combustível (Foto: Yuri Marcel/G1)
    Delande diz que economiza até 40% no uso de combustível (Foto: Yuri Marcel/G1)