quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Jornalista sobrevive de esmolas em Cruzeiro do Sul

O jornalista vive o mesmo drama de milhares de brasileiros que não conseguem se aposentar pelo INSS.
Carlos trabalhou por vários anos como jornalista/Foto: A Voz do Acre
Carlos trabalhou por vários anos como jornalista/Foto: A Voz do Acre
Seu aspecto é o mesmo de quem vive pelas ruas. Magro, de barba grande e cabelos em desalinho, Carlos usa roupas sujas e rasgadas.

Vive descalço  suplicando por moedas nas portas dos restaurantes de Cruzeiro do Sul, depois de cultivar o hábito de beber durante quase toda a vida.

 “Além de cinegrafista trabalhei como editor de imagens nas décadas de 80 e 90. Assim que voltei para Cruzeiro do Sul, em 2007, distribui meu currículo e pedi emprego a todas as (quatro) empresas de TV, mas não fui chamado por ninguém”, disse Carlos.

Com o mesmo nome do âncora famoso do SBT, Carlos Nascimento de Cruzeiro do Sul ainda sonha em voltar a manusear uma câmera. Enquanto isso, o pioneiro na produção de imagens de TV mora de favor na casa de um amigo diarista, no Bairro da Baixa.

O jornalista vive o mesmo drama de milhares de brasileiros que não conseguem se aposentar pelo INSS.

Mostra as cicatrizes das cirurgias que fez no abdômen e vive batendo na porta dos políticos da cidade em busca de novas oportunidades, mas elas estão sempre fechadas para ele.

Seus olhos enchem de lágrima quando lembra das duas filhas que teve quando morou em Rodrigues Alves. Uma delas se forma em Medicina na Bolívia nos próximos meses.

“Como a situação ficou muito ruim, uma das filhas desistiu do sonho de ser médica para que a outra pudesse se formar. Não dava mais para custear o estudo das duas”, conta Nascimento.
Fonte: contilnet

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Dilma veta mudança de fuso horário escolhida pela população do Acre

A decisão da presidência da República foi publicada na edição do Diário Oficial da União desta quarta-feira (21)
Dilma Roussef: veto para a volta do antigo horário do Acre
Dilma Roussef: veto para a volta do antigo horário do Acre
A Presidência da República vetou integralmente, "por  contrariedade ao interesse público", o Projeto de Lei no 1.669, que pretendia alterar o art. 2o do Decreto no 2.784, de 18 de junho de 1913, para restabelecer os fusos horários dos estados do Acre e partes do Pará e Amazonas.

O projeto pretendia retomar o antigo fuso horário do Acre de duas horas de diferença em relação ao horário de Brasília. Atualmente, a diferença é de apenas uma hora, decorrente de alteração realizada em 2008, sem consulta popular, a partir de uma lei de autoria do então senador Tião Viana (PT), atual governador do Acre, sancionada por Lula, presidente na época.

A população acreana não se adaptou ao novo horário e foi realizado um referendo em outubro do ano passado, quando a maioria dos eleitores do Acre (56,7%) votou a favor da retomada do fuso anterior.

A decisão da presidência da República foi publicada na edição do Diário Oficial da União desta quarta-feira (21), na seção de despachos assinados pelo vice-presidente da República Michel Temer no exercício do cargo.

De acordo com a mensagem envia ao presidente do Senado, a Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República foi ouvida e manifestou-se pelo veto ao projeto de lei pela seguinte alegação:

“Da forma como redigido, o projeto de lei não permite a apreciação individualizada das alterações propostas aos fusos horários nos Estados do Acre, do Amazonas e do Pará, impedindo a apreciação da matéria face às realidades locais de cada um dos entes afetados.”

- Essa, Senhor Presidente, a razão que me levou a vetar o projeto em causa, a qual ora submeto à elevada apreciação dos Senhores Membros do Congresso Nacional - acrescenta a presidência da República na mensagem ao Senado.

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Avião que levava dinheiro para Tabatinga faz pouso forçado no Quinari

05/12/2011 22:54
Avião que levava dinheiro para Tabatinga faz pouso forçado no Quinari
Além do piloto, mais três pessoas viajavam na aeronave, entre elas o co-piloto, Cassiano da Silva Ribeiro.
Da Redação da Agência ContilNet
O avião levava dinheiro para abastecer a agência do Banco do Brasil em Tabatinga/Fotos: Selmo Melo
O avião levava dinheiro para abastecer a agência do Banco do Brasil em Tabatinga/Fotos: Selmo Melo
Um avião bimotor da empresa Ortiz, que transportava dinheiro para o Branco do Brasil de Tabatinga, no Amazonas, fez um pouso forçado na tarde desta segunda-feira (5) na BR 317, que liga as Quatro Bocas na BR-364 à estrada do Quinari.

O piloto, Rene Galiatti, 36 anos de profissão, disse que ao perceber que não havia mais combustível no tanque da aeronave, pediu permissão para pousar na pista do aeroporto internacional de Rio Branco, mas a Infraero não permitiu.

“O avião não tinha combustível para retornar à Boca do Acre, então tive que procurar um lugar seguro para pousar”, disse o piloto, que desceu na estrada do Quinari e parou em frente a Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

Além do piloto, mais três pessoas viajavam na aeronave, entre elas o co-piloto, Cassiano da Silva Ribeiro.  Todos saíram do incidente sem ferimentos.

domingo, 4 de dezembro de 2011

Menininha canta Roberto Carlos

Roberto Carlos - 1966 - Esqueça (Forget Him)

Ex-jogador de futebol Sócrates morre em São Paulo

Ídolo da torcida do Corinthians estava internado na UTI e foi vítima de uma infecção generalizada

iG
São Paulo | 04/12/2011 06:33



Sócrates vestiu a camisa da seleção brasileira e jogou na Copa do Mundo de 1986
O ex-jogador Sócrates, de 57 anos, morreu na madrugada deste domingo. Segundo nota divulgada pelo Hospital Israelita Albert Einstein, o ídolo corintiano morreu às 4h30 (horário de Brasília) em consequência a um choque séptico, que uma infecção causada por bactéria.
Sócrates: Médico, craque, pai da Democracia Corintiana e artista
Sócrates estava internado desde sexta-feira e, de acordo com o hospital, o estado de saúde do ex-jogador era grave na manhã de sábado e ele respirava com a ajuda de aparelhos. Ele chegou a apresentar uma melhora após uma mudança nos medicamentos, mas não resistiu.
Relembre: 'Sócrates agora é do clube da Coca-Cola', diz esposa do ex-jogador após hemorragia e internação
Sócrates teve um choque séptico, que é uma infecção causada por uma bactéria. O ex-jogador começou a passar mal depois de comer estrogonofe em um restaurante em Alphaville, na região metropolitana de São Paulo, com a esposa e um amigo. Os médicos não confirmam se o prato causou a doença.
Essa foi a terceira internação do Doutor em apenas quatro meses. Em agosto e setembro deste ano, Sócrates precisou ser internado por complicações no fígado, que provocaram uma hemorragia digestiva - ele nunca escondeu o gosto pelo consumo de bebidas alcoólicas, mas, agora debilitado e bem mais magro, garante ter se livrado do problema.

Foto: Divulgação
Sócrates chegou a participar de programas de TV depois das primeiras internações
Conhecido pelo estilo clássico em campo, Sócrates foi revelado nos anos 70 com a camisa do Botafogo de Ribeirão Preto. Porém, ele brilhou principalmente pelo Corinthians, onde ganhou títulos e ficou conhecido como um dos líderes da geração da Democracia Corintiana.
Leia também: Na TV, Sócrates critica Copa e diz que Brasil deveria ter outras prioridades
Na seleção brasileira, Sócrates fez parte da inesquecível equipe comandada por Telê Santana em 1982, que acabou eliminada pela Itália, mas ficou na história pela qualidade técnica.
A morte de Sócrates é um golpe aos corintianos no dia em que o clube busca o quinto título do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, a equipe depende de um empate para levantar a taça do torneio.
*com Gazeta Esportiva