domingo, 3 de julho de 2011

Acreana é presa no Agreste de Pernambuco por exercício ilegal da medicina

A acreana Alessandra Bréa Moreno Dantas foi presa em flagrante na sexta-feira, 1º, na cidade de Caetés, Agreste de Pernambuco, acusada de exercício ilegal da medicina.
A prisão aconteceu na Unidade Municipal Luíza Pereira de Carvalho, quando a falsa médica prestava seu terceiro plantão.
Na ocasião, ela atuava usando nome e número de inscrição no Conselho Regional de Medicina do Pernambuco (Cremepe) de outra pessoa.
Em depoimento à Polícia Federal, Alessandra Dantas disse ter realizado sua formação em Cuba, mas ainda não havia revalidado o diploma pelo Ministério da Educação.
Ela disse ainda possuir inscrição provisória no Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC), mas após verificação do Cremepe, foi constatado que havia expirado.
O flagrante foi dado durante uma operação realizada pela Polícia Federal, em parceria com o Cremepe. Documentos localizados no hospital que estavam assinados pela acusada foram apreendidos. Ela foi levada à delegacia de PF de Caruaru e pode ser indiciada por falsidade ideológica e exercício ilegal da medicina
Vejaanoticia.com

Um comentário:

Anônimo disse...

Ela não disse nada disso que estão falando aí. Ela disse que é médica e que se formou em Cuba e que já obteve CRM provisório por 3 anos e 2 meses e trabalhou no ACRE em vários hospitais e inclusive no SAMU. Mas, falam falam e a ela não perguntaram nada. INFELIZMENTE É ASSIM.